O Farroupilha
  1. Home
  2. Artigo

Você e a Bíblia - Capítulo 70: O Alimento

Todos nós precisamos nos alimentar, todos os dias, mais de uma vez a cada dia. O nosso corpo sente fome em determinados períodos e, quando temos o que comer nestes momentos, sentimos grandes prazeres. Saborear uma boa e deliciosa comida é um prazer indescritível, tão grande que muitas vezes exageramos na quantidade que ingerimos, porque queremos sentir os gostos e aquelas sensações por mais tempo.

Quem criou alimentos e os disponibilizou para nós foi o mesmo que nos criou, como pode ser visto em Gênesis 9.3: “Vocês podem comer os animais e também as verduras; eu os dou para vocês como alimento”. E mesmo em anos em que deveria haver descanso na terra, haveria alimento suficiente para as pessoas que acreditassem em Deus, conforme Levítico 25.5b-7: “Será um ano de descanso completo para a terra. Os campos não serão semeados, mas mesmo assim produzirão o bastante para alimentar todos os israelitas, os seus escravos e as suas escravas, os seus empregados, os estrangeiros que vivem no meio do povo e também os animais domésticos e os animais selvagens. Tudo o que a terra produzir servirá de alimento.”.

Além disso, conforme Salmos 145.15-16: “Todos os seres vivos olham para ele com esperança, e ele dá alimento a todos no tempo certo. Quando os alimenta, o SENHOR Deus é generoso; ele satisfaz a todos os seres vivos.”.

Mesmo assim, Deus sabe o que precisamos antes mesmo de pedir, conforme Isaías 65.24: “Antes mesmo que me chamem, eu os atenderei; antes mesmo de acabarem de falar, eu responderei.”.

Conforme Mateus 6.8 descreve: “Não sejam como eles, pois, antes de vocês pedirem, o Pai de vocês já sabe o que vocês precisam.”. E Mateus 6.11 ressalta o pedido por alimento em oração: “Dá-nos hoje o alimento que precisamos.”. Mesmo Deus sabendo o que precisamos antes de pedirmos, nossa oração diretamente a Ele significa que precisamos de conforto, conselho e ajuda. Quando oramos e conversamos com Ele através da nossa oração, estamos demonstrando que também nos esforçamos para compreender o que é melhor para nós, segundo a sua vontade, e não a nossa.

Mas além do alimento físico, também precisamos de alimento espiritual, porque depois que o pecado entrou no mundo, todas as pessoas nasceram com o espírito morto. Neste sentido, Mateus 4.4 descreve: “Jesus respondeu: — As Escrituras Sagradas afirmam: ‘O ser humano não vive só de pão, mas vive de tudo o que Deus diz.’”.

    Ressaltando o fato de que a palavra de Deus é o alimento espiritual que precisamos, Jeremias 15.16 revela: “Tu falaste comigo, e eu prestei atenção em cada palavra. Ó SENHOR, Deus Todo-Poderoso, eu sou teu, e por isso as tuas palavras encheram o meu coração de alegria e de felicidade.”. Portanto, o alimento físico, o alimento espiritual, bem como tudo o que realmente precisamos, vem de Deus.