O Farroupilha
PATRÍCIA PERONI
Um ato de amor em Farroupilha

Começou ontem a mostra fotográfica “Um ato de amor”. Esse título lindo nos remete a muitas coisas boas e a mostra fotográfica quer deixar registrado para todos os visitantes um dos primeiros atos de amor de uma mãe com seu filho (a): a amamentação. 

A mostra foi organizada pela La Piccola Fotografia pensando na seguinte justificativa: 
Cinquenta e quatro dias é a média brasileira de aleitamento materno exclusivo. Percebemos que esse número é muito alarmante, tendo em vista que a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que até os seis meses o bebê se alimente apenas de leite materno e continue até os dois anos (ou mais).  

“Por conta disso, resolvemos organizar uma mostra fotográfica no mês de Agosto (agosto dourado), com o objetivo de mostrar como a amamentação é pura dedicação, carinho, contato e, principalmente, UM ATO DE AMOR.   Queremos incentivar mamães, grávidas e futuras mamães a amamentar, afinal esse ato vai muito além de alimentar, é nutrir de amor, afeto, e VIDA”, explicou La Piccola Fotografia.

Organização: La Piccola Fotografia  

Apoio: 
- Projeto Baby Afeto  
- Go Image encadernadora  
- Restaurante    Caminho do Trem  
- UCS campus Farroupilha  

Número de Mamães participantes do projeto:  22  

Contato: 9 9199-2785  
[email protected]  

Prestigie a mostra. Vá até o restaurante para ver muitos atos de amor, carinho e confiança. Tenho certeza que você irá se emocionar. Se você conhece alguma mamãe que está amamentando ou vai amamentar em breve leve-a para ver os belos registros também. Valorize está linda iniciativa. Uma sociedade mais consciente e com menos preconceito começa por nós. 

Duração: 
1 a 31 de Agosto 
Local: Restaurante Caminho do Trem 

Um ato de amor em Farroupilha

Começou ontem a mostra fotográfica “Um ato de amor”. Esse título lindo nos remete a muitas coisas boas e a mostra fotográfica quer deixar registrado para todos os visitantes um dos primeiros atos de amor de uma mãe com seu filho (a): a amamentação. 

A mostra foi organizada pela La Piccola Fotografia pensando na seguinte justificativa: 
Cinquenta e quatro dias é a média brasileira de aleitamento materno exclusivo. Percebemos que esse número é muito alarmante, tendo em vista que a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que até os seis meses o bebê se alimente apenas de leite materno e continue até os dois anos (ou mais).  

“Por conta disso, resolvemos organizar uma mostra fotográfica no mês de Agosto (agosto dourado), com o objetivo de mostrar como a amamentação é pura dedicação, carinho, contato e, principalmente, UM ATO DE AMOR.   Queremos incentivar mamães, grávidas e futuras mamães a amamentar, afinal esse ato vai muito além de alimentar, é nutrir de amor, afeto, e VIDA”, explicou La Piccola Fotografia.

Organização: La Piccola Fotografia  

Apoio: 
- Projeto Baby Afeto  
- Go Image encadernadora  
- Restaurante    Caminho do Trem  
- UCS campus Farroupilha  

Número de Mamães participantes do projeto:  22  

Contato: 9 9199-2785  
[email protected]  

Prestigie a mostra. Vá até o restaurante para ver muitos atos de amor, carinho e confiança. Tenho certeza que você irá se emocionar. Se você conhece alguma mamãe que está amamentando ou vai amamentar em breve leve-a para ver os belos registros também. Valorize está linda iniciativa. Uma sociedade mais consciente e com menos preconceito começa por nós. 

Duração: 
1 a 31 de Agosto 
Local: Restaurante Caminho do Trem 

O que faz com que você se sinta bem?

Todos sabemos que sentir-se bem é necessário para que nossas ações cotidianas sejam levadas de uma forma tranquila e com motivação. Além disso, sentir-se bem faz parte ao nosso ser. Precisamos estar bem, precisamos nos sentir bem para que tudo ao nosso redor flua.

Hoje quero proporcionar uma reflexão. O que faz com que você se sinta bem? Você precisa saber responder a essa pergunta em menos de 5 segundos. Você precisa saber exatamente o que te deixa feliz e motivado para que sempre que precisar faça mais dessas coisas que te deixam bem.

Lembrando que essas coisas podem ser as mais variadas. Há pessoas que se sentem bem quando estão no conforto de suas casas, algumas se sentem melhor quando estão fazendo um passeio, outras quando estão com amigos, etc, etc. Tenho certeza que em dias que você está “negativo” pensa que não há nada que te deixe feliz, ou ainda, só pensa em coisas inatingíveis para aquele dia, por exemplo: eu estaria bem se estivesse na praia agora... eu estaria bem se estivesse de folga em casa... mas aquilo não é possível naquele momento. Então... temos que pensar em coisas que são possíveis de executar.  
 

Segue uma lista de dicas

- Observe as nuvens e tente dar formas a elas como fazia na infância;
- Ouça o som da brisa batendo em seu rosto;
- Durma ouvindo o barulho da chuva;
- Dê um passeio ao ar livre e respire o ar puro;
- Ande descalço sentindo o chão;
- Saboreie o seu prato favorito e seja grato a isso. Existem pessoas que não possuem recursos nem para ter uma alimentação de qualidade;
- Passe momentos felizes ao lado das pessoas que ama e agradeça por cada uma delas estarem em seu caminho;
- Pense em todas as coisas pelas quais você sente gratidão por ter em sua vida;
- Se lambuze tomando um delicioso sorvete;
Converse com você mesmo olhando para o espelho;
- Assista aquele desenho que você tanto gostava na TV;
- Aprenda a tocar um instrumento musical;
- Ouça uma música que você gosta;
- Dance sozinho;
- Faça pequenos exercícios diários como correr ou pular corda, por exemplo;
- Coma um delicioso chocolate;
- Liste pelo menos 5 coisas que você se orgulha em si mesmo;
- Dê um abraço em si mesmo e diga o quanto você é especial;
- Pense em todas as coisas que já conquistou por mérito próprio;
- Cuide do seu animal de estimação: dê banho, comida, abrace e brinque com ele;
- Ajude um amigo que está em dificuldades.

Coloque-as em prática! E seja feliz!!!

Vamos realizar o que planejamos?

Todo mundo sabe que nós estamos cada dia mais expostos a informações, atividades, compromissos... E todo esse estimulo acaba nos deixando “desnorteados”. Não sabemos o que fazer, nem quando fazer. A internet é uma “isca” perfeita para o foco. Quantas horas você passa na internet por dia pesquisando coisas que talvez não fossem importantes naquele período? Pense nisso.
Estamos sempre em movimento. Esse movimento exige organização e gerenciamento do nosso tempo, pois senão, ficamos com a sensação de que o tempo passou rápido e que não conseguimos concluir o que havíamos pretendido e ficamos com o sentimento de frustração.
Pense em quantas coisas você planejou para o mês de Junho e quantas delas você realmente concretizou. Isso pode ser assustador. Por isso, hoje quero compartilhar duas dicas simples que podem ser o primeiro passo para a realização dos seus objetivos e consequentemente de conseguir uma melhor qualidade de vida, vamos lá?
COLOQUE SUAS METAS EM UM PAPEL: quando você escreve e deixa visível todos os dias consegue estabelecer uma relação de compromisso com o desejo assumido. Escreva na sua agenda, na porta do quarto, na geladeira, no celular, no computador... Escreva em todos os locais que você acha que podem lhe ajudar. Assim você sempre será “cobrado” pelos bilhetes/anotações e as chances de realizar serão maiores.
ENCARE SUAS METAS COMO OBRIGAÇÕES: nós encaramos diversas atividades do nosso dia-a-dia como obrigações, não é mesmo? Que tal encarar as suas metas pessoais também como obrigações, ou seja, precisam ser cumpridas? Ler um livro, ir para a academia, ligar para agendar uma consulta, escrever um texto... Esses são só alguns exemplos de atividades que podem ser realizadas facilmente se não as deixarmos como “opcionais” em nosso cotidiano.
Gostou? Tenho certeza que você pode colocar elas em prática. São apenas duas dicas para que realmente sejam utilizadas. Espero que você consiga nesta próxima semana realizar o seu planejamento. Comece aos poucos, mas comece. Se não deu para concluir 100% tudo bem, mas o importante é ter feito mais coisas que você gosta e precisa do que na semana anterior. Uma ótima semama!

Vamos realizar o que planejamos?

Todo mundo sabe que nós estamos cada dia mais expostos a informações, atividades, compromissos... E todo esse estimulo acaba nos deixando “desnorteados”. Não sabemos o que fazer, nem quando fazer. A internet é uma “isca” perfeita para o foco. Quantas horas você passa na internet por dia pesquisando coisas que talvez não fossem importantes naquele período? Pense nisso.

Estamos sempre em movimento. Esse movimento exige organização e gerenciamento do nosso tempo, pois senão, ficamos com a sensação de que o tempo passou rápido e que não conseguimos concluir o que havíamos pretendido e ficamos com o sentimento de frustração.

Pense em quantas coisas você planejou para o mês de Junho e quantas delas você realmente concretizou. Isso pode ser assustador. Por isso, hoje quero compartilhar duas dicas simples que podem ser o primeiro passo para a realização dos seus objetivos e consequentemente de conseguir uma melhor qualidade de vida, vamos lá?

COLOQUE SUAS METAS EM UM PAPEL: quando você escreve e deixa visível todos os dias consegue estabelecer uma relação de compromisso com o desejo assumido. Escreva na sua agenda, na porta do quarto, na geladeira, no celular, no computador... Escreva em todos os locais que você acha que podem lhe ajudar. Assim você sempre será “cobrado” pelos bilhetes/anotações e as chances de realizar serão maiores.

ENCARE SUAS METAS COMO OBRIGAÇÕES: nós encaramos diversas atividades do nosso dia-a-dia como obrigações, não é mesmo? Que tal encarar as suas metas pessoais também como obrigações, ou seja, precisam ser cumpridas? Ler um livro, ir para a academia, ligar para agendar uma consulta, escrever um texto... Esses são só alguns exemplos de atividades que podem ser realizadas facilmente se não as deixarmos como “opcionais” em nosso cotidiano.

Gostou? Tenho certeza que você pode colocar elas em prática. São apenas duas dicas para que realmente sejam utilizadas. Espero que você consiga nesta próxima semana realizar o seu planejamento. Comece aos poucos, mas comece. Se não deu para concluir 100% tudo bem, mas o importante é ter feito mais coisas que você gosta e precisa do que na semana anterior. Uma ótima semama!

Vamos realizar o que planejamos?

Todo mundo sabe que nós estamos cada dia mais expostos a informações, atividades, compromissos... E todo esse estimulo acaba nos deixando “desnorteados”. Não sabemos o que fazer, nem quando fazer. A internet é uma “isca” perfeita para o foco. Quantas horas você passa na internet por dia pesquisando coisas que talvez não fossem importantes naquele período? Pense nisso.

Estamos sempre em movimento. Esse movimento exige organização e gerenciamento do nosso tempo, pois senão, ficamos com a sensação de que o tempo passou rápido e que não conseguimos concluir o que havíamos pretendido e ficamos com o sentimento de frustração.

Pense em quantas coisas você planejou para o mês de Junho e quantas delas você realmente concretizou. Isso pode ser assustador. Por isso, hoje quero compartilhar duas dicas simples que podem ser o primeiro passo para a realização dos seus objetivos e consequentemente de conseguir uma melhor qualidade de vida, vamos lá?

COLOQUE SUAS METAS EM UM PAPEL: quando você escreve e deixa visível todos os dias consegue estabelecer uma relação de compromisso com o desejo assumido. Escreva na sua agenda, na porta do quarto, na geladeira, no celular, no computador... Escreva em todos os locais que você acha que podem lhe ajudar. Assim você sempre será “cobrado” pelos bilhetes/anotações e as chances de realizar serão maiores.

ENCARE SUAS METAS COMO OBRIGAÇÕES: nós encaramos diversas atividades do nosso dia-a-dia como obrigações, não é mesmo? Que tal encarar as suas metas pessoais também como obrigações, ou seja, precisam ser cumpridas? Ler um livro, ir para a academia, ligar para agendar uma consulta, escrever um texto... Esses são só alguns exemplos de atividades que podem ser realizadas facilmente se não as deixarmos como “opcionais” em nosso cotidiano.

Gostou? Tenho certeza que você pode colocar elas em prática. São apenas duas dicas para que realmente sejam utilizadas. Espero que você consiga nesta próxima semana realizar o seu planejamento. Comece aos poucos, mas comece. Se não deu para concluir 100% tudo bem, mas o importante é ter feito mais coisas que você gosta e precisa do que na semana anterior. Uma ótima semama!

Vamos realizar o que planejamos?

Todo mundo sabe que nós estamos cada dia mais expostos a informações, atividades, compromissos... E todo esse estimulo acaba nos deixando “desnorteados”. Não sabemos o que fazer, nem quando fazer. A internet é uma “isca” perfeita para o foco. Quantas horas você passa na internet por dia pesquisando coisas que talvez não fossem importantes naquele período? Pense nisso.

Estamos sempre em movimento. Esse movimento exige organização e gerenciamento do nosso tempo, pois senão, ficamos com a sensação de que o tempo passou rápido e que não conseguimos concluir o que havíamos pretendido e ficamos com o sentimento de frustração.

Pense em quantas coisas você planejou para o mês de Junho e quantas delas você realmente concretizou. Isso pode ser assustador. Por isso, hoje quero compartilhar duas dicas simples que podem ser o primeiro passo para a realização dos seus objetivos e consequentemente de conseguir uma melhor qualidade de vida, vamos lá?

COLOQUE SUAS METAS EM UM PAPEL: quando você escreve e deixa visível todos os dias consegue estabelecer uma relação de compromisso com o desejo assumido. Escreva na sua agenda, na porta do quarto, na geladeira, no celular, no computador... Escreva em todos os locais que você acha que podem lhe ajudar. Assim você sempre será “cobrado” pelos bilhetes/anotações e as chances de realizar serão maiores.

ENCARE SUAS METAS COMO OBRIGAÇÕES: nós encaramos diversas atividades do nosso dia-a-dia como obrigações, não é mesmo? Que tal encarar as suas metas pessoais também como obrigações, ou seja, precisam ser cumpridas? Ler um livro, ir para a academia, ligar para agendar uma consulta, escrever um texto... Esses são só alguns exemplos de atividades que podem ser realizadas facilmente se não as deixarmos como “opcionais” em nosso cotidiano.

Gostou? Tenho certeza que você pode colocar elas em prática. São apenas duas dicas para que realmente sejam utilizadas. Espero que você consiga nesta próxima semana realizar o seu planejamento. Comece aos poucos, mas comece. Se não deu para concluir 100% tudo bem, mas o importante é ter feito mais coisas que você gosta e precisa do que na semana anterior. Uma ótima semama!

Nove hábitos para melhorar sua positividade

Esta semana assisti uma live no Instagram do conhecido Caio Carneio, autor do best seller Seja foda. O tema da live eram os 9 hábitos das pessoas positivas e como achei muito interessante quero compartilhar com você.

 

1. Não reviva o passado
O maior inimigo do sucesso futuro é o seu sucesso presente. O que passou não volta e não adianta usar como bengala. O que nos resta é correr atrás do presente e do futuro com garra e determinação.

2. O medo não é um inimigo
É normal sentir medo. O medo é um estado de alerta e faz com que você aja com cautela em determinadas situações.
 

3. Tenha paixões em sua rotina
O que te faz feliz em seu dia? Tenha algo que faça seu olho brilhar e faça mais do que te faz feliz.

4. Seja o menos positivo do seu grupo
O que isso significa? Que se você for o mais positivo significa que está andando com pessoas muito negativas. 

5. Promova as mudanças indispensáveis
Mude aquilo que você vem adiando e que está te impedindo de ser mais positivo.

6. Pare para abastecer seu carro
Essa é minha metáfora favorita. Se o seu carro fica sem combustível você não consegue o fazer andar, certo? O mesmo acontece conosco.

7. Pare de tentar ser positivo o tempo todo
Permita-se chatear às vezes e peça ajuda quando necessário! Apenas lembre-se que os momentos felizes precisam ser em maior quantidade do que os não felizes.

8. Medite
Tenha um tempo só para você, respire, se conecte com você mesmo.

9. Faça o bem para alguém
Quando seu dia estiver muito difícil ou desafiador, faça o bem para alguém, isso muda o seu dia.

Gostou das dicas? Coloque-as em prática e veja como sua vida pode melhorar muito.