Projeto Horta Escolar da EMEF João Grendene – Quem planta colhe!

Da terra direto para a cozinha da escola, de onde saem as refeições que alimentam a todos. As famílias dos alunos também são beneficiadas com parte desta colheita. Os cuidados alimentam os planos de ampliação do Projeto Horta Escolar. FOTOS: Divulgação/EMEF João Grendene

O projeto da horta é desenvolvido desde o ano de 2018, foi interrompido no ano de 2020 e 2021 devido a pandemia, mas está sendo retomado neste ano por termos percebido, com a experiência de anos anteriores, que os alunos e suas famílias se engajaram, de modo significativo, no projeto.
Para a efetivação do Projeto, contamos com o incentivo do Círculo de Pais e Mestres da Escola, o Poder Público Municipal e o quadro funcional de nossa instituição.
Participam do Projeto da Horta Escolar todos os alunos, professores e funcionários de nossa Escola, abrangendo idades de 4 a 60 anos de idade, com um público direto de 525 pessoas e suas famílias. A coordenação do Projeto está a cargo da professora Elaide Siepmann.
Acreditamos que, incentivar as crianças a experienciar situações de preparo, adubação, plantio e cultivo, faz com que as mesmas compreendam o valor da terra, sua importância como fonte de recurso e meio de subsistência, além da valorização da natureza e o estímulo a experimentação de hábitos de alimentação saudável e promove o exercício da cooperação, da solidariedade e da sustentabilidade.
Os alimentos produzidos na horta – atualmente, devido à época do ano – alface, beterraba, cenouras, couve, temperos, chás e mudas de flores, são incluídos na merenda escolar e, quando em quantidade maior à demanda da Escola, são compartilhados com as famílias, que recebem, pelas mãos de seus filhos, os excessos da produção.
A Escola tem a intenção de continuar e ampliar cada vez mais o Projeto da Horta Escolar, para que perpasse os muros da Escola e contribua para uma sociedade sustentável, cooperativa e com hábitos alimentares mais saudáveis.

Vanderleia Franceschet Rapkiewicz
Diretora