Covid-19 – Começa a imunização de crianças

Começou no dia 19 de janeiro – data exata de um ano em que foram aplicadas as primeiras doses da vacina em Farroupilha – a imunização de crianças entre cinco e 11 anos completos, indígenas, quilombolas, com comorbidades ou deficiências permanentes.
O imunizante é o da Pfizer pediátrica, único autorizado até agora para essa faixa etária. A vacina para crianças está sendo aplicada em duas doses, com intervalo de oito semanas. A tampa do frasco da vacina é de cor laranja, para facilitar a identificação pelas equipes de vacinação e também pelos pais ou responsáveis – que obrigatoriamente precisam estar junto no ato da vacinação.
A aplicação das doses está sendo feita nas Unidades Básicas de Saúde Central, do bairro América, Primeiro de Maio, São José e Cinquentenário. Por determinação da 5ª Coordenadoria Regional de Saúde, a imunização precisa ser agendada e ser realizada em turno contrário às consultas de síndromes gripais. Sendo assim, em Farroupilha, a imunização das crianças ocorre somente no turno da manhã, de segunda a sexta-feira, das 7h30min às 11h.
Conforme o Informe Técnico 01/2022, divulgado pelo Governo do Estado, através da Secretaria Estadual de Saúde, são consideradas comorbidades: obesidade grave; pneumopatias crônicas graves; outros imunodeprimidos; hemoglobinopatia grave; doença cardiovascular; doença neurológica crônica; diabete mellitus; doença renal crônica; síndrome de down; e cirrose hepática.
Os indígenas serão imunizados na comunidade onde residem pelas equipes da Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI), responsável por coordenar e executar a Política Nacional de Atenção à Saúde dos Povos Indígenas. Farroupilha não possui grupos de quilombolas.

Documentos necessários
Para a vacinação de crianças com comorbidades ou deficiência permanente podem ser apresentados no ato, documentos como: receita médica de medicamentos, laudo de profissional de saúde, resultado de exame, dados do prontuário ou E-SUS, ou avaliação do profissional da sala de vacina.
O intervalo entre a vacinação deste público-alvo para a Covid-19 e os imunizantes previstos na carteirinha de vacinação infantil deve ser de, no mínimo, 15 dias.
As crianças que forem vacinadas receberão do profissional de saúde o “Certificado de Coragem”, com a assinatura do seu nome, como forma de reconhecimento pela superação do medo da agulha e ato de bravura no enfrentamento à Covid-19.

Testes
A aplicação de testes antígenos está sendo controlada no município de Farroupilha, desde o último dia 19. A medida se fez necessária pelo quantitativo baixo em estoque e pela dificuldade encontrada para aquisição do material em volumes maiores.
Com isso, o uso dos testes antígenos seguirá critérios mais rigorosos para uso em todas unidades de saúde do município, incluindo o Centro de Atendimento para Enfrentamento da Covid-19, o que quer dizer que os testes serão aplicados somente sob consulta e solicitação médica e deverão seguir as orientações da NOTA INFORMATIVA Nº 41, de 13 de janeiro de 2022, da Secretaria de Saúde do Estado do RS.

Contatos das UBSs para agendamento

Central: 3268-1284
América/Industrial: 3261-5355/3268-1664
Cinquentenário: 3261-4300
São José: 3261-1627/3268-1207
Primeiro de Maio: 3261-4668/3268-1435